Ricardo Tavares acerta renovação

  • Sanjoanense chegou a acordo com o FC Porto para nova cedência do defesa.
  • Lesão grave, na última época, impediu afirmação.

Ricardo Tavares renovou o vínculo que o ligava à Sanjoanense, depois de o clube ter chegado a acordo com o FC Porto para nova cedência do atleta.

Emprestado pela formação portista, no início da última temporada, o jovem defesa sofreu um duro revés quando, a 9 de novembro de 2014, em jogo contra o S. J. Ver, a contar para a Série D do Campeonato Nacional de Seniores, se lesionou sozinho, com gravidade, tendo falhado a restante temporada.

Agora, ultrapassada a mazela, Ricardo Tavares prolongou a ligação ao clube onde deu os primeiros passos para o futebol e do qual saiu para representar o Sporting CP e, mais tarde, o FC Porto, com quem mantém ligação contratual.

Aos 20 anos, o jovem internacional português é de novo aposta para o setor mais recuado da equipa alvinegra.

“Sanjoanense conquista um honroso 4º Lugar”

Cinco Ideal Fase Final Distrital

FASE FINAL DISTRITAL SUB 14 FEMININOS

Entramos nesta Fase Final como a Equipa claramente mais nova e mais inexperiente, mas com as aspirações de sermos competitivos e competentes em todos os jogos em que participamos. E assim foi, no primeiro jogo ganhamos ao Esgueira, jogo este que começou mais tarde tendo reduzido bastante o nosso tempo de recuperação, para o jogo do dia seguinte. No seguinte defrontamos logo de manha nada mais que a equipa do iLLiabum, a principal candidata ao ceptro distrital, organizadora desta mesma fase final e que recentemente sagrou-se a quarta melhor Equipa de Portugal. Fizemos um jogo Extraordinário, quase perfeito, de uma entrega incrível, de uma superação constante assinalável quase surpreendendo meio mundo acabando per perder 43×46. À tarde defrontamos o Gafanha, equipa que poderia fazer frente ao illiabum e perdemos por 63×47, onde chegamos a equilibrar até ao final do 3º período mas depois acabamos por ceder perante uma Equipa com bem mais obrigações que nós.

No Domingo defrontamos o Galitos onde infelizmente neste jogo os protagonistas acabaram por não ser as atletas e nem vale apena alongar muito mais porque é triste demais para quem acompanha o esforço diário destas fantásticas Miúdas haver situações tão surreais. No último jogo vencemos a Ovarense, uma excelente Equipa com uma mais valia física que só quem esteve presente consegue perceber a importância e o esforço desta vitória.

Ficamos em Quarto com os mesmos pontos do 3º perdendo na diferença de pontos. Em jeito de Conclusão, com um bocadinho mais de sorte no jogo contra a super Equipa do illiabum e um jogo sem outros protagonistas no jogo do Galitos teríamos alcançado algo histórico (1º Lugar) tamanha era a diferença de idade e de argumentos. Lembrem-se nós mostramos o que é uma VERDADEIRA EQUIPA, que todas juntas esconderam as fragilidades e dificuldades que tínhamos.

Como treinador sinto-me completamente ORGULHOSO pela Época realizada ao qual nos sagramos Campeões do InterAssociações contra todas as expetativas e que culminou com este Honroso 4º Lugar Distrital.

Às miúdas dizer que, com tantas Épocas especiais com resultados magníficos, esta acaba por ser uma das que vai-me marcar para a vida pelas dificuldades ultrapassadas, pela convivência (desde atletas até aos Pais), pelo ambiente, pela extraordinária dedicação de todos os envolvidos. Só quem esta por dentro da realidade percebe estas palavras, a Grande Época que realizamos.

Resta-me agradecer a todos os Pais (sem exceção) pela ajuda e Simpatia, ao Dá Milhões, ao nosso patrocinador Rent Piano pela disponibilidade em todos os momentos, ao meu Seccionista José Costa que foi enorme, à Fernanda que muito”trabalhou” em prol da Equipa, à Joana Aleixo e Débora Santos pela ajuda nos treinos e jogos, a toda a direção da ADS e por Fim ao Victor Carregosa pela ajuda e dedicação nesta reta final de preparação e participação desta fase Final. A todos Vocês o meu MUITO OBRIGADO

O treinador,
Frederic Pina

Resultados 1ª Jornada

Illiabum 47 x Galitos 42

Gafanha 45 x Ovarense 41

Sanjoanense 33 x Esgueira 24

Resultados 2ª Jornada

Galitos 50 x Gafanha 46

Ovarense 54 x Esgueira 51

Sanjoanense 43 x Illiabum 46

Resultados 3ª Jornada

Ovarense 43 x Galitos 41

Gafanha 63 x Sanjoanense 47

Illiabum 53 x Esgueira 33

Resultados 4ª Jornada
Galitos 35 x Sanjoanense 30
Illiabum 50 x Ovarense 39
Esgueria 35 x Gafanha 66

Resultados 5ª Jornada
Sanjoanense 33 x Ovarense 29
Esgueira 40 x Galitos 39
Illiabum 49 x Gafanha 42

Classificação

1º Illiabum; (5 Vitórias)

2º Gafanha; (3 Vitórias)

3º Galitos; (2 Vitórias)

4º Sanjoanense; (2 Vitórias)

5º Ovarense;(2 Vitórias)

6º Esgueira (1 Vitória)

5 Ideal: Maria (Illiabum), Eva (Sanjoanense), Mariana (Gafanha), Francisca(Illiabum) e Luísa (Ovarense)
MVP: Mariana (Gafanha)

Bruno Almeida e André Pereira reforçam ataque alvinegro

  • Jovens são apostas para a nova época e reforçam a zona ofensiva da equipa sénior de futebol.

Bruno Almeida e André Pereira são reforços confirmados para a época 2015/2016.

Jogadores de ataque, com 18 e 20 anos, chegam a São João da Madeira depois de, na última época, terem representado a equipa júnior do Paços de Ferreira e a formação sénior do Sporting de Espinho, respetivamente.

Com estampa física considerável, André Pereira apresenta-se como um avançado que gosta de “ter a bola no pé”, mais móvel e com “qualidade técnica” para “ajudar a equipa” na zona de ataque.

Com passagens por Inter Milheirós, FC Porto, Leixões, Varzim e Sporting de Espinho, André aponta a uma época “melhor que a anterior”, assumindo que espera “ter mais minutos, marcar muito e ajudar a Sanjoanense a alcançar a fase de subida”.

Bruno, por seu lado, define-se como “um número 10”, preparado para “marcar e assistir o avançado”.

Terá, na Sanjoanense, a primeira experiência como sénior, depois de, ao longo da formação, ter alternado entre Santa Cruz FC, Padroense e Paços de Ferreira e justifica a escolha as expectativas de “ter mais tempo de jogo e evoluir enquanto jogador”.

Com as entradas de Bruno Almeida e André Pereira, são já dez os reforços que, no início da pré-época, estarão à disposição de Ricardo Sousa.

Chapinha e Júlio confirmados

  • Sanjoanense garante um avançado e um médio para a próxima época.
  • São já oito os reforços à disposição de Ricardo Sousa.

Chapinha e Júlio vão ser jogadores da Sanjoanense na época 2015/16 e já oficializaram o vínculo que os ligará ao clube no próximo ano.

Aos 22 anos, Chapinha chega à Sanjoanense depois de ter feito a formação no Feirense, onde atuou também como sénior, e ter representado, ainda, S. J. Ver, Lusitânia de Lourosa, Quarteirense e União de Leiria.

Jogador experiente, apesar da tenra idade – ao serviço do clube de Santa Maria da Feira, o jovem participou em 22 jogos oficias, 16 deles na Liga2 Cabovisão –, Chapinha vincou o “bom projeto” para a nova época, assegurando que chega a São João da Madeira para “ajudar ao máximo o clube” e mostrando esperanças numa boa temporada, que o permita “chegar o mais longe possível”.

Júlio, por sua vez, vem reforçar o meio-campo alvinegro e realça os “objetivos comuns e a boa história” do clube para justificar a decisão.

Para além da formação no FC Porto, Júlio, que tem também 22 anos, representou já o Padroense, o Rio Ave e o Gondomar.

Jorginho e Fabeta são apostas para a nova época

  • Jorginho e Fabeta são reforços confirmados para a próxima época.
  • Médio regressa depois de meia época no Cucujães e defesa chega do Cinfães, clube que representou no último ano.

Jorginho e Fabeta são as mais recentes apostas da AD Sanjoanense para o plantel sénior de futebol da próxima época.

O médio, que regressa depois de ter representado o Cucujães durante a segunda metade da última época, garante chegar “mais maduro” e com “a intenção de ajudar o clube”, vincando como objetivo a manutenção.

“O primeiro ano é sempre o mais complicado, optei por ir para o Cucujães para jogar mais e ganhar experiência. Acho que este ano estou mais maduro e venho com a intenção de ajudar este grande clube”, começou por dizer, apontando a importância do acesso à Fase de Manutenção para que a equipa possa “garantir a manutenção logo em janeiro”.

Fabeta, por seu lado, prepara-se para uma nova experiência e um novo clube, o nono na carreira, depois de passagens por Gondomar, Asteras Tripolis (Grécia), Beira-Mar, Santa Clara, Ayia Napa (Chipre), Fátima, U. Leiria e Cinfães.

Com vasto currículo e duas experiências no estrangeiro, o defesa, de 28 anos, justifica a escolha com “o projeto apresentado” e assegura que, para além dos objetivos pessoais, tudo fará para ajudar o clube a conquistar as metas propostas.

“Pretendo ajudar o clube a atingir os objetivos propostos. Se conseguirmos isso, sinto-me realizado, se conseguir atingir os meus objetivos pessoais, melhor ainda. (…) Falam-me bastante da Sanjoanense como uma montra mas não quero usar isso como prespetiva para o futuro. Quero apenas ajudar a Sanjoanense. Se o clube me ajudar também, melhor ainda”, vincou.

“Este é o dia mais feliz da minha vida” – Ricardo Sousa

  • Apresentação da equipa técnica e da estrutura diretiva do futebol alvinegro decorreu na tarde de segunda-feira.
  • Ricardo Sousa regressa ao clube onde se formou e será auxiliado por Cândido Costa, Tito e Manuel José.

“Este é o dia mais feliz da minha vida porque vou começar no clube de que gosto e que me formou enquanto homem”. Foi com um estado de espírito entusiasta que Ricardo Sousa se dirigiu aos sócios e simpatizantes da AD Sanjoanense presentes no Ever Hotel, em São João da Madeira, durante a cerimónia apresentação da equipa técnica e da estrutura diretiva do futebol para a época 2015/16.

A poucas semanas do início oficial da primeira experiência como treinador, depois de ter terminado a carreira de jogador no final da última temporada, Ricardo Sousa não escondeu a motivação, prometeu trabalho e apelou à união, apontando o clube como “um gigante adormecido”.

“Aquilo é que pretendo é unir a Sanjoanense e os seus adeptos em torno do futebol. A Sanjoanense é um gigante adormecido e, por tudo o que envolve, tem andamento para muito mais”, começou por vincar, apelando, depois, à envolvência dos adeptos em torno da equipa:

“Não fazemos nada sozinhos. Precisamos de todos os adeptos e sem vocês não vamos ser nada. Não existe nenhum clube, nesta região, que consiga mover tantos adeptos e isso é um fator benéfico para todos nós.”

Garantida a permanência na última época, o objetivo passa, novamente, pela manutenção no Campeonato Nacional de Seniores, não sendo descartados, porém, outros voos.

“Vamos olhar para todos os jogos como finais. Ganhando domingo após domingo vamos estar mais perto dos objetivos. O objetivo principal é a manutenção. Caso o consigamos cumprir, poderemos pensar em algo mais”, concluiu.

Na apresentação, Ricardo Sousa fez-se acompanhar por Cândido Costa, Tito e Manuel José, que completam a equipa técnica do futebol sénior alvinegro, e ainda por Tiago Moreira, Coordenador de Futebol de Formação que auxiliará na interligação entre os escalões de formação e o plantel sénior.

Fotografia: Daniel Oliveira

Brandão e Danilo reforçam Sanjoanense

Danilo Almeida e Bruno Brandão oficializaram, na manhã de sábado, o vínculo que os ligará à Sanjoanense na época 2015/2016.

Com o plantel a ganhar forma, depois das renovações de Diogo, Bruno, Pardal e Catarino, das promoções de Pedro Lisboa e Aloísio e das chegadas de Almeida e Leandro, Brandão e Danilo não escondem a ambição para a nova temporada e prometem trabalhar para que o clube assegure os objetivos propostos.

Para Brandão, este é um regresso a uma casa que bem conhece. Formado na Sanjoanense, o jogador, que se caracteriza pela polivalência em campo, regressa depois de 6 anos de interregno, durante os quais representou o Milheiroense, Carregosense e Coimbrões – o último ao longo de quatro temporadas.

Com vontade de “ajudar o clube do coração”, Brandão aponta, como objetivo mínimo, “a permanência no Campeonato Nacional de Seniores”, não descurando, porém, um possível acesso “ao playoff de subida”.

Já Danilo, chega à Sanjoanense depois de duas épocas ao serviço do Sp. Espinho, tendo também representado o Crasto e o Leixões. Médio, assume preferência pelas posições “6 e 8” e define-se como um jogador “esforçado”, garantindo que dará sempre “o máximo” em prol da equipa.

Aos 21 anos, prepara-se para iniciar a segunda experiência no Campeonato Nacional de Seniores, depois de uma época menos positiva em termos colectivos – recorde-se que o Sp. Espinho foi despromovido ao Campeonato Distrital –, e não esconde que chega a São João da Madeira para “ajudar a cumprir os objetivos da Sanjoanense, jogar o máximo possível e ajudar o clube a crescer”, não hesitando em apontar o clube como “um gigante adormecido, que pode acordar a qualquer momento”.

Comunicado: Apresentação da equipa técnica para 2015/16

A Associação Desportiva Sanjoanense vem, por este meio, convidar os Sócios e simpatizantes a marcarem presença na conferência de imprensa de apresentação da equipa técnica do futebol sénior para a época 2015/16.

O evento terá lugar no Ever Hotel, em São João da Madeira, pelas 16 horas da próxima segunda-feira, dia 22 de junho, e servirá, também, para dar a conhecer os novos membros da direção para a área do futebol.

São João da Madeira, 19 de junho de 2015.

A Direção da Associação Desportiva Sanjoanense.