Sanjoanense renasce na casa do líder

Estádio Municipal de Fafe

AD Fafe 0 x AD Sanjoanense 2

Fafe; Galil, Castro (Berna 59), Guilherme (Rui Bruno 72), Jorge Miguel, Francisco, David Veiga (Bruno Monteiro 72), Amoah, Pedro Matos, Didi (Ivo Braz 55), Joel Silva, Kodama (Bruno 59).

Treinador – Luís Pinho

Sanjoanense: Diogo Almeida, Luiz Gustavo, Luiz Netto, Fontes, Gustavo Fernandes, Jota (C), Nkolo, Jony (Martins 96), Rui Moreira (Sena 90), Marcelo Santos (Dani Marques 84), Dinho (Aliu 96).

Treinador – Henrique Nunes

Golos; Marcelo (54), Landry (63)

Três meses depois a Sanjoanense voltou a vencer, no reduto do líder do campeonato. Um jogo que se antevia difícil, os alvinegros sabiam que não podiam facilitar, foram sempre superiores, realizando uma exibição de classe. A primeira parte ficou marcada pelo desperdício dos avançados, a segunda pelos golos. Aos 15 minutos, Dinho teve tudo para fazer o primeiro, mas acertou mal na bola e, na recarga, Luiz Gustavo, também em boa posição, atirou por cima da barra da baliza. Na resposta, o ex-Sanjoanense, Joel Silva, de cabeça, acertou em cheio na barra da baliza de Diogo Almeida. Na resposta, novamente por Dinho, os alvinegros estiveram mais uma vez perto do golo, mas Galil esticou-se todo para parar o cabeceamento do avançado.

No descanso, registava-se um empate sem golos, muito por culpa do desperdício dos avançados alvinegros.

Na segunda parte, a Sanjoanense foi mais eficaz, concretizando as ocasiões criadas em golo. Aos 54 minutos, Jota, com um cruzamento milimétrico, assistiu Marcelo Santos. O avançado antecipou-se ao defesa e, de cabeça, fez o 0-1, colocando a Sanjoanense em vantagem. Dez minutos depois na sequência de um pontapé de canto cobrado por Rui Moreira, Landry, saltou sem marcação e cabeceou para o segundo golo.

Perto do final do jogo o Fafe reagiu, mas Diogo Almeida agigantou-se efetuando duas defesas espetaculares evitando o golo a Joel Silva e Pedro Matos. Antes do final do jogo, Jony isolado podia ter feito o 3-0, mas enviou a bola à figura.

Vitória justa de uma Sanjoanense mais pragmática na segunda parte. Com este resultado ADS aproxima-se dos lugares de manutenção mantendo viva a esperança na continuidade na Liga 3. No próximo sábado, às 15 horas, a Sanjoanense desloca-se a Anadia.


ClubeJVEDP
AD Sanjoanense00000
Amarante00000
Varzim SC00000
AD Fafe00000
CD Trofense00000
Anadia00000
Lourosa00000
Braga B00000
SJ Ver00000
Lank Vilaverdense00000