Sanjoanense deixa fugir vitória no ultimo minuto

Estádio Municipal de Fafe

AD Fafe 1 X AD Sanjoanense 1

Árbitro: Tiago Neves – AF Madeira

Ao intervalo 0-0

Fafe: Guilherme, Zé Diogo (Ricky, 46), Nuca, Guilherme, Jorge Miguel, Murilo Rosa (Yohan, 46), Bruno Monteiro (Zé Thiago, 94), Apolo (Nani, 66), Marcelo Santos, Pedro Ribeiro e Pedro Matos (Gabi, 66).

Treinador – Emanuel Simões

Sanjoanense: Pedro Mateus, Murillo Lima (David Rebelo, 86), Edgar (c), Guilherme, Kiko, Jorge Pereira (Elijah, 95), Mário Borges, Ruben Alves (Marcos Brazion, 63), Pinho, Joel Silva e João Ricardo (Pedro Araújo, 63).

Treinador – Tiago Moutinho

Golos: Ricky (p.b. 57)e Marcelo Santos (95).

Terminou empatado a um golo, a deslocação da Sanjoanense ao terreno do Fafe. Um jogo que teve 3 expulsões e o golo do empate aos 95 minutos, no derradeiro lance do jogo.

O treinador da Sanjoanense sem poder contar com os lesionados, Rui Pedro, Danrlei, Manga e Meek, deu pela primeira vez titularidade a Guilherme no centro da defesa.

A Sanjoanense entrou bem no jogo, dominando toda a primeira parte do jogo. Logo aos 2 minutos de jogo, João Ricardo dentro na pequena área com um remate colocado obrigou o guarda redes a defesa apertada. Perto da meia hora de jogo, a Sanjoanense esteve novamente perto do golo. Pedro Pinho, serviu João Ricardo, que pegou mal na bola e perdeu-se um lance de perigo.

Aos 36 minutos, a Sanjoanense viu Mário Borges ser expulso através de vermelho direto, por suposta agressão ao adversário, os alvinegros ficaram a jogar em inferioridade numérica. Até ao intervalo destaque para uma boa iniciativa de Murillo Lima, com um remate colocado a passar ao lado da baliza de Guilherme.

No início da segunda parte o Fafe, ficou reduzido a 10 jogadores, após expulsão de Guilherme com o segundo amarelo. Na segunda parte a toada manteve-se com o domínio da Sanjoanense, e aos 55 minutos a Sanjoanense adiantou-se no marcador, com um golo na própria baliza de Ricky após cruzamento na direita de Murillo Lima.

Aos 77 minutos, Yohan Miranda, que havia entrado ao intervalo, pontapeou Marcos Brazion, e recebeu ordem de expulsão. O Fafe ficou reduzido a 9 jogadores, tudo corria de feição à Sanjoanense.

O Fafe, apesar de estar reduzido a 9 jogadores, nunca desistiu, e nos últimos minutos fez de tudo para empatar o jogo. Fruto disso o golo do empate acabaria por chegar no ultimo minuto do jogo, Marcelo Santos desviou um cruzamento na pequena área estabelecendo o resultado final.

Euforia para os homens da casa e balde de água fria para os alvinegros, sem se perceber como os alvinegros recuaram muito no terreno nos últimos minutos, deixando fugir os três pontos. Em caso de vitória a Sanjoanense tinha a possibilidade de subir ao 1º lugar da classificação.

No próximo domingo os alvinegros recebem, às 15 horas, o Anadia no Estádio Conde Dias Garcia.

Declarações Tiago Moutinho. “Estamos desapontados. A ganhar o jogo e com mais um jogador não podemos empatar no final. Que nos sirva de aprendizagem para o futuro. Seguimos na luta pelos nossos objectivos.”

ClubeJVEDP
AD Sanjoanense1676327
São João de Ver1648420
Montalegre1657719
SC Braga B1546618
Vitória SC B1513116
Canelas 20101673624
Felgueiras FC16104234
Anadia FC1645717
Fafe1643915
Varzim SC1684428
Lank Vilaverdense1687131
Paredes1645617